Homeopatia - o que é

Segundo o site  da ASSOCIAÇÃO MÉDICA HOMEOPÁTICA BRASILEIRA:

É um método de tratamento criado pelo médico alemão Samuel Hahnemann, em 1796, que se fundamenta na Lei dos Semelhantes, citada pelo Pai da Medicina Hipócrates no ano 450 a.C. Segundo esta lei, os semelhantes se curam pelos semelhantes, isto é, para tratar um indivíduo que está doente é necessário aplicar um medicamento que apresente (quando experimentado no homem sadio) os mesmos sintomas que o doente apresenta.

Exemplificando: Se uma pessoa sã ingerir doses tóxicas de certa substância, irá apresentar sintomas como dores gástricas, vômitos e diarréia; se, por outro lado, for administrada essa mesma substância, preparada homeopaticamente, ao enfermo que apresenta dores gástricas, vômitos e diarréia, com características semelhantes àquelas causadas pela substância em questão, obtêm-se, como resultado, a cura desses sintomas.

 

Encomende na Farmácia Homeopática HIKARI o seu medicamento homeopático. Ela esclarece abaixo:

CUIDADOS

Nunca tome qualquer medicamento, mesmo homeopático, sem orientação profissional.

1 - Mantenha os medicamentos fora do alcance de crianças.
2 - Guarde-os em local fresco e ventilado.
3 - Guarde-os longe de radiações (TV ligada, aparelhos de raio-x, celulares, etc)

4 - Guarde-os longe de perfumes, inseticidas, medicamentos alopáticos ou outras substâncias de cheiro forte.
5 - NÃO TOQUE diretamente nos glóbulos: primeiro separe-os na tampa e jogue-os na boca, tudo sem contato manual.
6 - Não reutilize as sobras do conta-gotas, não as devolva para o frasco. Não utilize o mesmo conta-gotas para medicamentos diferentes.
7 - Para guardar ou transportar, use uma cesta de vime (sem verniz) ou outra embalagem ventilada, resistente a choques, que proteja da luz direta e seja sem cheiro.
8 - Ao preparar um plus, só reutilize o mesmo recepiente para outro plus após lavá-lo com água fervente.
9 - Nunca repita a dose sem antes consultar seu médico.
10 - Não reutilize o frasco para outro medicamento.

 

PRAZO de VALIDADE

PLUS - 1 dia
PORÇÕES a DOSE ÚNICA - 5 dias
GLÓBULOS, TABLETES, PÓS - 2 anos
GOTAS e PORÇÕES a MAIS de 40% de ÁLCOOL - Indefinido.

 

MAIS  DETALHES  nos sites do SINOMAR e da ECOMEDICINA
(no menu "homeopatia" )

Acesse a Associação Brasileira de Farmacêuticos Homeopatas.

cujo texto abaixo foi postado em 03/02/2011:

Postado em 03/02/2011

HOMEOPATIA

 

ESCLARECIMENTO AO PÚBLICO

 

A Homeopatia, recomendada pela Organização Mundial de Saúde (OMS), ocupa hoje um importante espaço na medicina brasileira e mundial, e caminha em direção à sua plena institucionalização.

 

Reconhecida no Brasil como especialidade médica, farmacêutica, veterinária e odontóloga por seus respectivos Conselhos de Classe Profissional, a Homeopatia se consolida pela ampla aplicabilidade na restauração da saúde, pela boa aceitação dos que dela se utilizam e principalmente pelo sucesso terapêutico.

 

No Brasil, medicamentos homeopáticos somente podem ser prescritos por médicos, veterinários e odontólogos e manipulados ou adquiridos em farmácias ou drogarias sob a responsabilidade do farmacêutico homeopata sendo vedada a prescrição e/ou manipulação de medicamentos homeopáticos por leigos.

 

Medicamentos homeopáticos são seguros e eficazes. Seu modo de preparo peculiar está oficialmente descrito na Farmacopéia Homeopática Brasileira e as normas sanitárias para o preparo em farmácias de manipulação e registro de especialidades industrializadas são publicadas pela ANVISA – Agência Nacional de Vigilância Sanitária. Como todo medicamento só devem ser administrados para prevenção e tratamento de enfermidades.

 

Estima-se que 15.000 médicos no Brasil tenham especialização em homeopatia e 2100 estabelecimentos farmacêuticos manipulem homeopatia sob supervisão de um especialista homeopata.

 

Em 2006 o Ministério da Saúde editou portaria que inclui no SUS a Política Nacional de Práticas Integrativas e Complementares, onde destacam-se entre outras racionalidades, a homeopatia. Com este ato os gestores de saúde de estados e municípios são autorizados e incentivados a oferecer em seus serviços o atendimento em homeopatia.

           

O Brasil é um dos poucos países no mundo onde entidades de classe organizadas são legítimas representantes das diferentes atividades em homeopatia. Nacionalmente a Associação Médica Homeopática Brasileira (AMHB), a Associação Brasileira de Farmacêuticos Homeopatas (ABFH), Associação Médica Veterinária Homeopática Brasileira (AMVHB) e a  Associação Brasileira de Cirurgiões Dentistas Homeopatas (ABCDH), respondem pelos interesses de suas classes profissionais.

 

Internacionalmente o Brasil está representado por médicos, farmacêuticos, veterinários e odontólogos que atuam em inúmeros grupos de referência para a difusão científica da homeopatia sendo os mais importantes a LMHI – Liga Médica Homeopática Internacional e GIRHI – Grupo de Pesquisa em Diluições Infinitesimais. Pesquisadores brasileiros tem se destacado em eventos internacionais com a apresentação de trabalhos de cunho científico na área clínica, em pesquisa básica e na farmacotécnica homeopática.

 

A longevidade desta terapêutica, a legitimação, a legalização e inserção como terapêutica no serviço público de saúde ocorre pela qualificação dos profissionais envolvidos com a homeopatia. Há mais de 40 anos acontecem anualmente Congressos, Encontros, Jornadas, Simpósios e Seminários que  promovem a atualização  científica e integração entre os profissionais.

 

Indústrias farmacêuticas homeopáticas nacionais e internacionais realizam pesquisas no desenvolvimento de seus medicamentos, utilizando e promovendo diversos pesquisadores brasileiros através de parcerias com as Universidades. Farmácias de manipulação fazem parte de inúmeros protocolos de pesquisa em instituições de ensino e pesquisa preparando e fornecendo medicamentos.

 

Muitas dificuldades ainda são enfrentadas, dentre as quais ataques que a Homeopatia vez por outra sofre, geralmente por parte de pessoas que desconhecem ignoram os princípios que norteiam a prática. O princípio da similitude homeopática subsiste, mostrando sua eficácia clínica por meio da cura de milhares de pacientes em todo o mundo, há mais de 2 séculos.